terça-feira, 13 de novembro de 2012

Dicas sobre Israel

Todos os dias quando eu abro a minha caixa de e-mail eu me deparo com pelo menos um que me pergunta:
"Você pode me dar dicas sobre Israel"?
-Claro! Leia o Blog! O blog é sobre "dicas" da vida em Israel.

Eu respondo e-mail, mensagem, adiciono no facebook, não tem problema, mas por favor, antes de enviar a sua pergunta dê uma pesquisada no blog e se for muito chato pesquisar o blog, pelo menos formule uma pergunta porque definitivamente, "me dê dicas" não é uma pergunta.

Mas, como eu sou muito legal, eu vou aproveitar esse post para responder as 10 perguntas que eu mais recebo:

  1.  Meu bisavô era judeu, eu sou judeu? Não, eu já expliquei esses critérios aqui.
  2. Se eu provar que sou judeu por teste de DNA, consigo imigrar para Israel? Não, o processo de imigração para Israel é documental, não é científico.
  3. Como eu faço para estudar em Israel? A mesma coisa que você faria para estudar em qualquer país do mundo. Decida que curso quer fazer, escolha a faculdade ou instituição, entre em contato com eles, veja os procedimentos deles e depois vá até o consulado ou embaixada de Israel e solicite seu visto de estudo.
  4. Posso trabalhar com visto de estudo? Não, você só pode trabalhar com visto de trabalho ou de residência. Página do consulado de Israel sobre vistos. 
  5. Em Israel se fala mesmo hebraico? Juro que nem tenho vontade de responder essa pergunta. Sim, é óbvio que em Israel se fala hebraico.
  6. Existe faculdade em Inglês em Israel? Sim existe, não são todos os cursos, mas existe muita coisa e sim em regra são mais caros que os cursos normais em hebraico. 
  7. Como eu consigo uma bolsa para estudar em Israel? Entre em contato com as universidades israelenses e veja se você está apto a pleitear uma bolsa. A maior parte das faculdades têm sites em inglês basta procurar. E lamento, mas se você não tiver inglês para fazer uma buscazinha na internet, também não terá para levar o curso ou solicitar uma bolsa. 
  8. Israel dá alojamento para estudantes? Não sei, acredito que não, mas só a instituição de ensino que você escolher vai poder te responder isso.
  9. Como é a questão da água em Israel? Também já falei sobre isso aqui.
  10. Em Israel tem emprego para brasileiros? Olha, especificamente um programa que dê empregos para brasileiros eu não conheço, em Israel tem empregos para pessoas qualificadas, se você tem alguma qualificação ou aptidão tente encontrar trabalho em Israel baseado nos seus conhecimentos, não na sua nacionalidade.
Como essas são as dúvidas mais frequentes acho que deve mesmo ajudar muita gente e poupar o trabalho de todos nós.



17 comentários:

  1. YAHELI, como o seu BLOG está se tornando uma manual de consulta para quem quer emigrar, principalmente, para Israel, acho uma boa ideia CRIAR no seu BLOG: TÓPICO específico para: PERGUNTAS MAIS FREQUENTES.

    ResponderExcluir
  2. Primeiramente parabéns pelo seu excelente trabalho neste blog Yaheli!, Muito bom mesmo. Virou meu favorito.
    Seguindo suas dicas, antes de perguntar, dei uma "geral" no seu blog mas mesmo assim gostaria de lhe consultar.
    Passarei 3 semanas de dezembro em Israel, especificamente em Rehovot. Farei um treinamento onde os custos de viagem serão pagos pela empresa mas fica a dúvida.
    Para almoçar, jantar, usar taxi de vez em quando e comprar pequeninas lembrancinhas para a família , você acredita que eu gastaria em torno de quantos Shekels? 1000? 2000? 3000?
    Digo comendo modestamente, usando bem pouco taxi e lembrancinhas tipo imãs para geladeira, nada além disso.
    Outra dúvida, na imigração, o fato de ser uma viagem para treinamento a torna uma viagem de negocios, trabalho ou turismo?
    Muito obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Mineo, tudo bem?

      No seu caso o visto de turismo basta. Só é necessário outro tipo de visto se você for ficar mais de 3 meses.

      Sobre os Custos, vou te dar alguns preços:
      Uma refeição boa em Israel - Cerca de 40 shekels
      Taxi - Dentro da cidade, não mais do que 20 shekels.
      ônibus para Tel Aviv - cerca de 10 shekels.
      ônibus para Jerusalém - uns 50 shekels ida e volta saindo de Tel Aviv.
      Imâ de geladeira - de 5 a 10 shekels.

      Como lembranças, além dos imãs você encontra todo o tipo de produto, desde objetos religiosos até ursinhos e camelos de pelúcia com a bandeira de Israel, mas nada é muito caro, não.

      Essas lembrancinhas eu duvido muito que você encontre em Rehovot, já que não é uma cidade turística. Bons lugares para comprar esse tipo de coisa são Jerusalém, Nazareht e Tiberias, que são cidades mais turísticas.

      Espero que goste de Israel.
      Como está bem próximo de viajar, se tiver outras dúvidas pode escrever novamente, ok?

      Abraços

      Excluir
  3. Muito Obrigado pelas dicas. Valeu mesmo.
    Pode deixar que lhe escreverei sim.

    Abracão.

    ResponderExcluir
  4. Drii voce e demais..hehehe
    e verdade seu blog virou meu manual de instrucoes..kk
    eu nao paro de vir aqui!!
    Parabensss Dri, pelo amor de God, nem pense em parar esse maravilhoso trabalho, por que se nao nois tamos tudo ferrado..srsrsrsr
    bjaoo Dri

    ResponderExcluir
  5. Você deve ser muito chato pessoalmente rsrs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Chato não querida, chata!

      Nem para direcionar o seu xingamento você tem competência?

      Excluir
  6. olá Yaheli,gostaria de saber se há muitos negros em Israel e qual é o nivel do precoceito(se existe) contra eles,pois ví um documentário na tv americana que isto nos U.S era muito frequente nas comunidades entre judeus e negros.Isso é possivel aí em Israel?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim existem negros em Israel, inclusive judeus negros cerca de 120.000 mais ou menos.

      Racismo é crime em Israel, claro, como é em qualquer país do mundo, mas veladamente, como ocorre em qualquer país do mundo acaba existindo preconceito sim, é uma minoria claro, mas dizer que não existe seria uma utopia.

      Excluir
  7. Oi Yaheli. Tdo bem?

    É a primeira vez que navego no seu blog e achei o máximo. Pois estou precisando de uma dicas basicas. Por exemplo estou querendo conhecer Israel com a minha familia incluindo meu filho de 05 anos, porém estou querendo saber se na sua opinião é complicado viajar com criança para Israel devido as aglomerações nos pontos turisticos. Por isso quero saber se existem muitas filas nas principais atrações de Israel. Se tem alguma possibilidade de comprar ingresos antecipados ou se existe filas preferenciais para crianças.
    Outra dúvida é saber se é facil os acessos a meios de transporte entre cidades, por exemplo: Te Aviv - Jerusalem, Jerisalem - Akro, Akro - Nazaré e Nazaré - Tel Aviv.
    Existe algum bilhete em Israel que dá desconto em transportes públicos e atrações turisticas, igual aos que existem na Europa para turistas?
    Ficarei muito agradecido com a sua ajuda.

    Parabéns pelo ótimo trabalho feito no blog.

    Abraço.

    Adrison Souza

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Adrison,

      Não tem aglomeração nenhuma em ponto turístico nenhum em Israel, traga seu filho sem nenhuma preocupação.

      O único lugar onde se formam filas, às vezes, é na Esplanada das Mesquitas (Monte do Templo) porque lá há número limitado de pessoas para entrar, mas enfim, também nada que se possa chamar de tumulto ou aglomeração, no máximo dá para chamar de fila.

      Não existem filas preferenciais em Israel e não me ocorre nenhuma atração turística que se precise comprar entradas.

      Quase tudo em Israel é grátis e o que não de graça é uma mixaria que se paga na entrada, como no túnel dos templários em ako (ou acre em português). Não tem essa de entrada, ingresso antecipado, nada disso. Lá se eu não me engano é 10 shekels a entrada.

      Transporte:

      Na rodoviária de Tel Aviv tem ônibus saindo para todas as cidades de Israel com bastante frequência.

      Tel Aviv - Jerusalém tem ônibus de 15 em 15 minutos.

      Jerusalém - Ako, ônibus eu não sei se tem, deve ter, mas se não tiver faça via Tel Aviv ou via Haifa. Mas trem tem.

      Ako - Nazaré tem o 343 de hora em hora.

      Nazaré - Tel Aviv tem o 826, que passa em Nazaré-ilit que é a cidade colada à Nazaré. Tem de hora em hora, tem horário que tem mais. E tem o 823, mas ele dá uma volta ao mundo e vai te levar duas horas a mais do que levaria uma viagem no 826.

      Que eu saiba não existem preços diferenciados para turistas o que existe é para todo mundo, por exemplo comprar ida e volta sai mais barato, geralmente 25% menos, há outros preços diferenciados comprando 10 viagens, mas isso varia de linha para linha então não tem como eu te dizer porque eu só sei os preços da minha região

      Abraços e Boa Viagem.
      Torço para que você goste de Israel.

      Excluir
  8. Oi Yaheli!

    Muito obrigado pelas suas dicas, tenho certeza que elas serão muito valiosas para mim.
    Caso apareça mais dúvidas volto a pedir ajuda.

    Grande abraço

    Adrison

    ResponderExcluir
  9. Oi Yaheli

    Tenho mais ou menos um roteiro montado na minha cabeça, mas gostaria de ter a opinião o que você acha deste roteiro que estou montando?

    03 dias em Tel Aviv
    04 dias em Jerusalém
    02 dias em Ako
    02 dias em Nazaré
    01 dia em Tel Aviv (antes de retornar ao Brasil)

    Aceito dias de lugares para visitações.

    Abraço

    Adrison Souza

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho o roteiro bom. Só acho extremamente complicado dar alguma opinião porque não sei que tipo de passeio você quer fazer, que tipo de lugares quer visitar.

      Mas por exemplo, eu não acho que tenha tanta coisa para se fazer ou ver em Tel Aviv, talvez valesse à pena reduzir o tempo em Tel Aviv e ir conhecer Haifa.

      Por exemplo fique mais um dia em Nazaré e daqui vá para Haifa, é apenas uns 40/45 minutos de ônibus.

      Só tenha atenção sempre com Shabbat. Os ônibus e trens param por volta de 3h da tarde de sexta-feira e só voltam no sábado à noite, por volta de 19:30h/20:00. Sem falar que também nesse período quase 90% do comércio de Israel estará fechado, nem mesmo os hoteis (em sua grande maioria) aceitam hóspedes nesse período.

      Nazaré e uma das únicas cidades de Israel que não para no Shabbat, sexta e sábado funciona tudo normalmente.

      Abraço e boa viagem!

      Excluir
  10. Yaheli, Eu e minha família gostamos de caminhar pelas cidades e conhecer lugares interessantes como locais históricos e museus por exemplo. Eu com toda a sinceridade não tenho muita idéia de como seja Tel Aviv (sei que é uma cidade bonita), por isso que acho as suas sugestões muito importante.
    Sendo assim talvez eu me programe para 02 dias em Tel Aviv (o dia da chegada e um dia antes da partida) e aproveite mais outros locais mais interessantes.
    Aproveitando a sua dica Haifa fica perto de Tel Aviv? Por que ai posso fazer o que você sugeriu ficar um dia a mais em Nazaré em vez de 02 dias e passar três dias e de Haifa vou direto para Tel Aviv quando nós formos retornar ao Brasil.

    Fique a vontade para dicas, as suas sugestões serão muito bem vindas.

    Grande abraço.

    Adrison Souza

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Faz uma coisa,

      Escreve para o meu e-mail e me diz mais detalhadamente que lugares você tem em mente, o que vc já tem certeza que pretende conhecer em cada cidade e aí eu vou te dando o resto dos lugares e a gente tenta montar junto um roteiro legal para vocês, pode ser assim?

      meu e-mail: vivendoemisrael@gmail.com

      Excluir
  11. Caramba Yaheli! Ótima idéia, achei o máximo.

    Pde deixar que te escrevo sim!

    Muito obrigado

    ResponderExcluir
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...