quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Por que os Israelenses Comem com as Mãos?

Eu acho que a grande pergunta não é porque os israelenses comem com as mãos, mas sim por que os brasileiros tem tanta aversão a si mesmos, ao próprio corpo e tanta mania de limpeza?

Eu li em algum lugar que o Brasil é o país do mundo que mais consome produtos de limpeza, não lembro onde li isso, mas acredito piamente. A questão não é ser limpo, é ser psicótico. Por que se o Brasil é o país do mundo que mais consome esse tipo de produto, todos os outros países do mundo consomem menos, o que nos faz pensar, será que só o Brasil está certo e o resto do mundo inteirinho está errado?

Na realidade a maioria das pessoas em quase todos os países do mundo utilizam as mãos para comer e em Israel não é diferente. Claro que não se come com as mãos arroz ou macarrão por exemplo, mas aqui tudo que se pode colocar dentro de um pão se coloca, desde falafel e kebab até salada e batata frita. E pizza por exemplo não vem com prato, garfo e faca, vem apenas com um suporte de papelão para você segurar a fatia. Há pizzarias que nem tem talheres e onde tem, na maioria das vezes, são daqueles descartáveis.

Quando se tem a oportunidade de viajar para o exterior, mesmo que seja a passeio, uma coisa que se percebe logo de cara, em quase todos os países é que, em regra, não existem hábitos de higiene tão rígidos quanto no Brasil.

Não significa dizer que os outros povos sejam sujos ou pouco caprichosos com a qualidade ou higiene da comida, muito pelo contrário, a questão é que o conceito de limpeza deles funciona dentro de outros critérios.

Na maior parte do mundo limpeza e sujeira são duas coisas que se distinguem visualmente com extrema facilidade, apenas no Brasil se combate a terrível sujeira invisível de uma bactéria que talvez esteja ali e talvez possa te fazer mal.

Então, se você pretende um dia morar, ou mesmo passar uma temporada no exterior, repense seus critérios de limpeza, até porque nem sempre o que é mais limpo é mais saudável. Como aliás, sabiamente dizia a propaganda do OMO, "porque se sujar faz bem"! :)



6 comentários:

  1. Quando estive aí comprei uma baguete na rua e o vendedor nao tinha nenhum papel ou embalagem, baixou o tabuleiro e mandou que nos servíssemos. Nao posso negar que estranhei, mas aproveitei e saboreei o delicioso pão. É muito diferente mesmo. Em Canaa o mesmo homem que fazia a esfiha cobrava e servia. Estou amando seu blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Sônia,

      É isso mesmo! No começo a gente estranha nuito! rsrs

      Mas a comida israelense é uma delícia e com certeza ninguém fica doente.

      Que bom que está gostando do blog, continue sempre por aqui e se tiver alguma pergunta ou sugestão, fique à vontade.
      Abraços.

      Excluir
  2. Muito Bom,

    Me sinto aliviado, minha mulher vive brigando comigo porque pego o pão ponho em cima da mesa e não no prato e pego queijo com as mãos....

    Que legal, agora vou saber como agir lá fora

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkk. Legal Pedro! Da próxima vez diga para sua mulher que você nasceu vocacionado para viver no exterior. :)

      Excluir
  3. Ya, estive numa vila Drusa e lá comemos um falafel.. um monte de brasileiros metidos na fila com cara de nojo enquanto o sr. enfiava um suculento pedaço de frango empanado num pao sirio...kkk , comi , repeti e amei... nem me importei, nao fiquei doente e nem tive intoxicação alimentar. Enquanto isso os metidos ficaram comendo salada crua.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Salada crua que com certeza passou pelas mãos do mesmo sr. que enfiou o frango no pão.rsrs

      Isso que me revolta nessa gente, eles acham o que? que as saladas se lavam e se cortam sozinhas?

      Eu lamento admitir, mas hoje eu já como muita coisa com a mão também, mesmo em casa. Normal é o que todo mundo faz, não é o que a gente quer que seja, né?

      bjs.

      Excluir
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...