sexta-feira, 21 de setembro de 2012

Escolhendo a Cidade Certa para Viver em Israel

A melhor cidade ou a cidade certa para viver em Israel não é uma questão que tenha uma resposta única, vai depender de alguns fatores, mas sobretudo do seu estilo de vida.

Como eu já disse em outros posts, as cidades israelenses são todas projetadas para que você não precise nem sair do seu bairro, eu conheço praticamente Israel inteiro e posso garantir que muito difícilmente você irá morar num bairro, em qualquer cidade que seja, e esse bairro não terá tudo que você precisa.

Claro você pode morar num bairro com apenas um supermercado e não gostar dele, mas com  certeza pelo menos um supermercado, uma farmácia e um centrinho comercial com algumas lojas de roupas e de utensílios em geral vão existir no seu bairro.

Então, não há muito com o que se preocupar em relação a isso.

Eu acredito que para escolher a cidade mais adequada, você tem que levar algumas coisas em consideração:

Se você é uma pessoa religiosa (judeu praticante);
Quanto você está disposto a pagar por um aluguel;
Se praia ou balada são coisas importantes para você
Qual o nível do seu hebraico e que outros idiomas você fala;
E por fim, sua capacidade de adaptação a uma cidade mais ocidental ou mais orientalizada.

Trocando em miúdos, as duas cidades mais caras de Israel são Tel Aviv e Jerusalém, sendo que Tel Aviv é um pouco mais cara que Jerusalém, embora Jerusalém seja a capital do país.
Claro, são também as duas maiores cidades de Israel e onde estão os melhores empregos, só que Israel é um país pequeno e é extremamente comum aqui morar numa cidade e trabalhar em outra.

Só para deixar claro, Jerusalém tem cerca de 700 mil habitantes e Tel Aviv em torno de 400 mil, para quem vem do Brasil, realmente não existe cidade grande em Israel, em compensação também não existe "roça" ou "fim de mundo", todas as cidades são muito bem estruturadas.

Se praia for uma coisa importante para você, opte realmente por uma cidade de praia, porque nos fins de semana não haverá transporte, portanto você só poderá ir à praia a pé ou de táxi e táxi para trajetos longos durante o shabbat nem sempre é fácil de se encontrar.

Se você for muito vidrado em balada tente realmente morar em Tel Aviv, com certeza será a melhor opção. Em Tel Aviv é onde acontece a maior parte dos eventos de Israel, onde normalmente as atrações internacionais se apresentam. Bares e Boates tem em Israel inteiro, mas a noite de Tel Aviv é, provavelmente a melhor do país, a mais animada, a que vai até mais tarde e possivelmente a mais internacionalizada do país.

Outra coisa que você precisa levar em consideração para escolher a cidade é qual o nível do seu hebraico ou que outros idiomas você fala. Se você ainda é extremamente dependente do inglês ou se nem inglês você fala, o melhor é mesmo ficar nas cidades mais "ocidentalizadas", onde é mais fácil se virar, encontrar alguém que fale espanhol e coisas do gênero. A melhor opção são as cidades ao redor de Tel Aviv, como Ranaana, Rishoh Letzion, Rehovot, Ashdod, Ashkelon e Netanya, claro que há várias outras e, uma coisa é certa, quanto mais próximo de Tel aviv, mais caros serão os aluguéis.

Já se você for uma pessoa mais religiosa pode tentar optar pelas cidades no entorno de Jerusalém, como Beit Shemesh ou Elad, entre outras. E vale a mesma regra, quanto mais distante de Jerusalém, mas baratos o preço dos aluguéis. E lembrando sempre que quanto mais religiosa a cidade, menos as coisas abrem durante o shabbat e mais necessidade de adaptação você terá.
E só um conselho, se você não for judeu praticante, não tente começar a ser na sua chegada a Israel, será decepção na certa!

Agora, na minha modesta opinião nem Jerusalém, nem as cidades do norte de Israel, incluindo Haifa (terceira maior cidade de Israel) são muito adequadas para quem está chegando.

Primeiro porque provavelmente seu primeiro emprego será em Tel Aviv ou na região de Tel Aviv, e muitas vezes as empresas não dão emprego para quem mora longe e tem pouco tempo de Israel, segundo porque nesta região é muito mais fácil de se virar no começo sem hebraico e terceiro porque estas cidades não se parecem com cidades do Oriente Médio, são cidades ocidentais normais.

É preciso uma certa vivência de Israel para se acostumar com esse visual e estilo de vida Oriente Médio de ser, que eu amo, mas sei que não é para todos.

Eu moro em Nazaré-Ilit, acho a melhor cidade de Israel, mas vim para cá com quase dois anos de Israel, dominando o hebraico e plenamente adaptada ao país, honestamente, não recomendo essa cidade para ninguém que esteja chegando e, principalmente, se não falar hebraico (ou árabe ou russo).

De resto a escolha fica mesmo a critério do gosto pessoal de cada um.

Israel , embora pequeno, é um país de muitos contrastes e paisagens diferentes.


24 comentários:

  1. Yaheli,
    tenho lido teus posts e gostado muito.Vc escreve de forma bem realista a vida em Israel.
    Eu gostaria de saber como funciona o sistema de compras de imoveis ai. Eu sei que os valores de imoveis são muito altos. Mas há alguma ajuda para quem fez aliyah e já está no país há algum tempo? Há diferença de preços para cidades tipo Alfei Menashe (assentamentos)? para outras cidades que não o sejam? e o financiamento através de bancos, é descomplicado como é na França?
    Se desejar me responder em privado meu email é:
    miriamteixeira07@gmail.com
    Muito Obrigada.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Adorei sua pergunta, vou te responder por e-mail.
      Abraços


      Excluir
  2. Olá Yaheli , amei seu blog, o encontrei procurando " como morar em Israel " , já estive duas vezes nesse pais e amo a ideia de ir definitivamente morar por ai... tudo que ja li ate agora foi realmente desencorajador.. mas amei a forma clara e objetiva como vc escreve. Por favor , como eu começaria isso ? onde procuraria ajuda ? por onde começar ? eu conseguiria emprego ? um beijo e aguardo suas orientações rosana@artenostra.com.br

    ResponderExcluir
  3. Olá Yaheli eu também gostei muito do seu Blog, muito , muito interessante. Sonho morar em Israel, mas realmente sem orientação fica inviável,tenho facilidade para aprender a língua hebraica, vou me dedicar mais ao estudo. Inglês eu sei o básico somente. Vou me inscrever para receber as novidades!
    Recebi um e-mail de uma Agência de fomento a emprego em Israel, porém a vaga é para trabalhar como babá, estou investigando a procedência.Quero muito morar aí, vou fazer tudo o que tiver ao meu alcance pra conseguir.Na verdade queria saber qual a forma mais simples de conseguir um visto e me estabelecer.
    calhau.dea@gmail.com
    Obrigada querida!

    Abraço!

    ResponderExcluir
  4. Olá Yareli,primeiramente o meu muito obrigado pelas suas explicações que ajudam bastante a esclarecer dúvidas de um modo geral.Eu tenho um desejo muito grande de morar e trabalhar em Israel.Sou Engenheiro e falo 4 idiomas.Atualmente estudo hebraico e penso em tentar um emprego em Israel nos próximos dois anos.Minha pergunta é:O mercado israelense absorve bem profissionais da Engenharia,mesmo sendo estrangeiros?Trabalhei por 14 anos no Japão em empresas de alta tecnologia.Isso ajudaria em algo na análise de obtenção de visto de trabalho?Ficaria muito grato em receber seus comentários.Meu e-mail para contato é joshuahdias@hotmail.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Joshua,

      Se você tiver um inglês muito fluente pode tentar buscar emprego em Israel pela internet, mas eu já escrevi sobre isso aqui, talvez te interesse ler:

      http://www.vivendoemisrael.blogspot.co.il/2013/04/programa-de-imigracao-e-trabalho-em.html

      Abraços.

      Excluir
  5. "E só um conselho, se você não for judeu praticante, não tente começar a ser na sua chegada a Israel, será decepção na certa!"

    Vocês tentaram virar judeus praticantes quando chegaram aí? rsrs. Tem que contar pra nós essa história.

    Você recomenda que se visite a cidade antes de mudar pra ela?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkkk. Com certeza não!!!

      Eu conheço o judaísmo desde que nasci, tempo suficiente para eu saber que religiosamente falando o meu caminho é outro. Gosto do judaísmo como história e como cultura, me identifico, me sinto parte do povo judeu e de fato sou, mas é só.

      Sobre a cidade, podendo visitar antes é bom, né? A primeira cidade para qual você vai pode ser qualquer uma, afinal depende mais de disponibilidade da Ag. Judaica do que do seu gosto, mas depois é bom ir conhecer o país e tomar uma decisão centrada.

      O que eu recomendo mesmo é que você só mude de cidade quando tiver condições de entender melhor o país e quando tiver minimamente uma noção de hebraico, alguém além de conseguir comprar iogurte e café no supermercado. :)

      Excluir
  6. "... sendo que Tel Aviv é um pouco mais cara que Jerusalém, embora Jerusalém seja a capital do país."
    De 2009 pra cá ainda não descobriu que a capital de Israel é Tel Aviv e não Jerusalém. Será que você sabe a capital do Brasil? Ou anda espalhando em Israel que é Buenos Aires?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Querido,

      O único analfabeto aqui é você.

      Para Israel a capital do país é Jerusalém, se a ONU não reconhece isso é problema dela.

      Para o Estado de Israel a capital fica em Jerusalém e apenas lá. Tanto assim que é lá que ficam o Knesset (parlamento israelense) e toda a administração do país.

      Vai estudar um pouquinho antes de se meter a esperto.

      Excluir
    2. Ah! Já sei, descobriu que não vai conseguir morar em Israel e ficou com invejinha, com dorzinha de cotovelo,né?

      Lamento querido, eu não faço as regras de imigração!

      Excluir
    3. Calma pessoal, a colocação do Anonimo tem razão de ser, para Israel e para o Israelense a capital e Jerusalem onde esta concentrada os poderes Executico, legislativo (Kinesset), porem para o mundo ocidental e isto é ensinado nas escolas ocidentais a capital de Israel e Tel aviv,

      Excluir
    4. Pedro,

      Por favor,nenhuma colocação tem razão de ser baseada nessa estupidez gratuita.

      Questionar é uma coisa. Se ele entrasse e perguntasse tem certeza que a capital é Jerusalém, porque eu aprendi diferente? Ou igual um já questionou por aqui? Não seriam duas capitais?

      Eu explicaria, com a maior boa vontade do mundo, como explico tudo que questionam por aqui.

      O que eu não admito é palhaçada e estupidez gratuita.

      Aja como um ser humano civilizado e eu responderei como tal, aja como um animal e eu responderei como um animal.

      Pode olhar o blog inteiro, eu respondo a mesma pergunta várias vezes, explico de novo o que as pessoas não entendem, o que eu não sei, eu digo que não sei, a única coisa que eu não admito é babaquice.

      Sou e sempre serei estupida com esse tipo de gente.

      Excluir
  7. Paulobrasil

    Eh isso mesmo YAHELI! gostei da sua resposta a esses sabichoes, eu quero saber quanto custa em dolar o aluguel de uma casa ou apartamento de duas ou tres pecas1, por favor me informe pelo meu E-mail eloirevangelista@ig.com.br
    grato!

    ResponderExcluir
  8. Yaheli, olá!! Tenho um sonho de morar em Israel por algum tempo e agora esse sonho está chegando perto! Agora preciso por no papel esse custo de vida e essa idéia!! Estou precisando de dicas para tudo!! Onde morar, quanto custa, como conseguir o visto para morar 1 ano, e etc!! Tudinho mesmo!! Estou lendo tudo no seu blog! Está clareando minhas idéias! Minha maior preocupação é $$$. Vc me ajuda a por os custos no papel?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Israel não é os EUA que você vem para cá tentar a sorte, aqui não funciona assim.

      Dá uma lida nesse post que eu escrevi, porque ele faz remissão a todos os outros posts importantes que podem te interessar. Se depois de ler ainda tiver dúvidas me escreva:

      http://vivendoemisrael.blogspot.co.il/2013/04/programa-de-imigracao-e-trabalho-em.html

      Abraços

      Excluir
  9. Olá! Yaheli Berlinski.

    Gostaria de saber se você conhece algum site em que eu possa obter informações sobre a cidade Israelense de Acre.
    Ficarei muito grato se poder me ajudar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Saulo,

      Site bom que eu conheço sobre Acre (ou Akko) são esses dois (ambos em inglês):

      http://www.akko.org.il/en/

      http://akko.muni.il/?CategoryID=510

      Abraços

      Excluir
  10. Sou aposentada no Brasil,com renda de cinco mil reais por mês,desejando morar em pequena cidade praiana,estou ainda aprendendo hebraico,as cidades sitadas acima próxima de Tel Aviv,qual é a média de valores para comprar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Regina,

      Depende da cidade, depende do bairro e principalmente depende do tipo de apartamento que você esteja procurando.

      Mas digamos numa cidade como Rishon Letzion, que é bem perto de Tel Aviv, um apartamento de 2 quartos (não muito grande, tipo 80 m² ou pouco menor) você conseguiria numa faixa de 2 milhões de shekels (Cerca de R$ 1.300.000,00) + impostos.

      Não tenho certeza do valor dos impostos acho que é algo em torno de 5%¨do valor do imóvel.

      E óbvio, se você comprar com a intermediação de um corretor terá que pagar também a comissão dele.

      Esse preço é para um bairro intermediário e para um apartamento usado, novo é mais caro.

      Excluir
  11. Me ajudou um pouco,tenho algumas perguntas ainda que desejo fazer..Obrigada..

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fique à vontade para aparecer quando quiser.

      Abraços.

      Excluir
  12. Shalom Yaheli! O post foi muito esclarecedor. e como sempre bem realista sobre a vida em Israel. muitas pessoas mais por desinformação pensam em ir pra Israel como se fosse os EUA, mas pelo que vejo nos seus posts, Israel é um país que ou voce vai pra realmente ficar ou nem tente ir, por que a cultura e o jeito de vier do país não agradaria muita gente. Israel tem uma cultura e uma identidade propria muito rica e diferente do ocidente. amo seus posts e suas informações. minha duvida é: moradia em Israel é realmente caro como ja pesquisei na internet? o alto preço seria para tentar inibir a imigração de pessoas que so querem tentar a sorte no país?
    Shalom e até mais.

    ResponderExcluir
  13. Oi iricardo97, tudo bem?

    De fato o custo de moradia e alimentação são duas coisas realmente caras em Israel.

    Não, não tem nada a ver com inibir a imigração, é mera especulação imobiliária como em qualquer outro lugar, até porque imigrantes ilegais aqui acabam vivendo em apartamentos de quarto e sala com até 20 pessoas dentro, então para eles não creio que o custo fique alto.

    Há outras formas de se inibir a imigração ilegal, mas impossível impedir totalmente, logo ela é uma realidade em quase todos os países do mundo.

    Israel é rigoroso com isso, mas há imigrantes ilegais no país, com certeza há, em sua maioria vindos do Sudão do Sul e da Eritreia e eles conseguem se virar relativamente bem aqui pelo fato de falarem árabe ou dialetos árabes e muitos falam inglês também como língua nativa, para latinos e outros é bem mais difícil passar mais despercebido.

    ResponderExcluir
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...