terça-feira, 17 de julho de 2012

O Que Você Sabe sobre Israel?

Você já parou para pensar o que e quanto você sabe a respeito de Israel?

Vamos começar de um jeito diferente, responda sinceramente, qual das alternativas abaixo mais descreve o seu pensamento quando pensa em Israel?

a) Israel é um país super tecnológico, as coisas devem ser incríveis por lá.
b) Israel é um país devastado por guerras e com a minha formação vou me dar bem lá.
c) Israel é uma grande comunidade judaica onde todos se ajudam e onde não existe pobreza, afinal onde já se viu judeu pobre?

Se qualquer destas pérolas algum dia passou pela sua cabeça, por favor não venha para Israel, faça um enorme favor a você e volte a estudar, compre um livro, vá ler e tente colocar qualquer coisa no espaço vazio dessa sua cabeça.

A primeira coisa a ser entendida, o ponto base de tudo é o seguinte, Israel é um PAÍS e como todo país tem seus problemas e suas qualidades.

Claro que Israel é detentor de inúmeras patentes tecnológicas. Muita coisa que faz parte do dia a dia de milhões de pessoas nos dias de hoje foram sim inventadas ou desenvolvidas em Israel, só para citar as mais comuns podemos falar da tecnologia de telefones celulares, o chip MMX da intel, o pen drive USB, sem falar em inúmeras criações na área de medicina, agricultura e também é claro na área militar.
Ok, tudo isso é verdade, porém isso não significa que você vai sair do avião e desembarcar no meio de um filme futurista, certo?

E assim como Israel não é o fantástico mundo dos Jetsons, também não é um lugar devastado por guerras, para dizer a verdade não é nem perto disso.

Israel tem sim uma relação pouco amistosa com seus vizinhos, o que não significa que os países vivam em guerra com Israel, na prática, na maioria das vezes, esses problemas se traduzem em questões políticas discutidas do alto dos palanques dos Congressos e/ou através da Imprensa Internacional que faz questão de aumentar e muito a gravidade da situação. Fazer o que? Notícia é o único produto que eles têm para vender!!!

Portanto não se engane, a menos que você descubra a cura do câncer, invente um motor não poluente que custe menos de dez dólares, resolva uma equação que ninguém ainda tenha resolvido ou faça qualquer coisa realmente útil para a humanidade, Israel pode sobreviver sem você e sem a sua qualificação, seja ela qual for.

E outra coisa, não pense que você vai ficar rico em Israel, você vai viver num país com uma super qualidade de vida, com um dos melhores índices de desenvolvimento humano do mundo (IDH), e ter o padrão de vida dos melhores países do primeiro mundo, mas rico, só se você ganhar na loteria.

Ah! Então não existe possibilidade de Israel se envolver numa guerra? 
Claro que existe, óbvio que existe, mas provavelmente se isso ocorrer nada vai mudar em Israel a não ser TALVEZ algumas sirenes que irão soar com um pouco mais de frequência e, provavelmente, ninguém será atingido.

Israel tem um excelente sistema de defesa (iron dome) que intercepta hoje cerca de 90% de qualquer foguete que sobrevoe seu território e o que não pega, normalmente é porque o sistema percebe (calcula) que irá cair em área desabitada. 

Ah! Então não é verdade que Gaza "joga" foguetes em Israel? Sim é verdade, mas o sistema de defesa faz soar uma sirene que faz com que todos tenham tempo de se abrigar e mesmo que você não se abrigue este mesmo sistema de defesa pega a maior parte desses foguetinhos no ar e os destrói, portanto é verdade dizer que eles entram no território de Israel, mas na maioria das vezes não chegam a cair e quando caem não costumam atingir ninguém.

O grande problema de verdade é o efeito psicológico que as sirenes costumam ter sobre pessoas. Aliás isso é tão sério que as pessoas que têm crises nervosas em função das sirenes são consideradas "feridas" pelo governo de Israel.

*Gaza, guerra, sirene e Iron Dome serão abordados mais detalhadamente em posts específicos para o assunto.

E por fim, Israel não funciona como uma grande comunidade onde todos se ajudam, onde não existe pobreza e onde todos vivem em harmonia, isso se chama Utopia.

Israel é tão somente um país, com suas particularidades, seus costumes e com todas as mazelas e alegrias que um país de primeiro mundo pode ter.





7 comentários:

  1. Muito bom saber disso Adriana. Amei esse artigo. Obrigada mais uma vez pelos esclarecimentos :)

    ResponderExcluir
  2. Oi Yaheli.

    Eu de novo te fazendo perguntas. Eu resolvi começar ler o seu blog desde o inicio, fazendo perguntas relacionadas ao tema do tópico, acredito que vai ser mais instrutivo e, interessante para ti. Mas, antes gostaria de parabeniza-la pelo blog, muito bem elaborado e realista, obrigado por esta oportunidade deste blog. ;)

    Agora, a uma pergunta especifica.

    Voce disse que Israel não é um país para ficar rico. Porque voce disse isso, existe alguma observação em particular ou, só pelo fato que em qualquer país isso seja dificil ? Aí existe pequenas fabricas ou, só tem espaço para grandes fabricas, por exemplo?

    Na sua opinião em particular, tem algum segmento, fora o setor de softwares , que seja um bom segmento?

    Abraço Yaheli,

    Tulio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Tulio,

      Acho que hoje em dia nenhum país mais é para "ficar rico", mas no caso de Israel o que eu quero dizer é que o custo de vida é alto, os salários são bons e você vive bem dentro do seu padrão de vida (muito bem até), mas dificilmente alguém vai ficar rico com um emprego comum. Mas, não é proibido ficar rico aqui não, viu? rsrs. Se tiver a oportunidade de ficar rico, fique, sem medo!

      Existem pequenos fábricas, existem pequenos negócios e pequenos comércios de vários tipos, claro, como em qualquer país.

      Tirando software Israel tem inúmeros setores super prósperos: turismo, mercado financeiro, marketing, sobretudo internacional, setor de estética e saúde (spa, cosméticos, relaxamento, massagens, academias),setor agrícola como um todo, mercado de pets também é algo que cresce em Israel e as start ups que surjam com qualquer ideia inovadora.

      Basicamente acho que é isso.

      Abração

      E pode perguntar o que quiser, de verdade não me incomodo em responder, só que dependendo da semana não dá para responder tão rápido, mas é só esperar um pouquinho que eu respondo. :)

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Ola Yaheli, como vai?
    Posso dizer que estou "viciado" no seu blog. Rsrsrs
    Vou ser sincero: eu mesmo pensava de forma parecida na qual você descreveu no inicio, pois as noticias e as informações, aqui no Brasil, são na maioria das vezes tendenciosas. Mas graças ao blog, pude ter outra visão, e em uma aula de oriente médio que eu apliquei ontem, pude ajudar as crianças a reverem seus conceitos, além de claro, indicar o blog para os alunos.
    Um grande abraço,
    Marley.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Marley,

      A ideia do blog é justamente tentar mudar esses conceitos absurdos que se vende sobre Israel.

      Fico muito feliz que o blog esteja sendo útil para você.

      E se tiver alguma dúvida ou sugestão pode deixar por aqui que eu respondo sempre, tá? :)

      Muito obrigada pelo carinho.
      Um grande abraço

      Excluir
    2. Obrigado pela disposição e estou aguardando novos posts.
      Um grande abraço!
      Marley

      Excluir
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...